Loader
ambiente

29 de Dezembro - Dia Mundial da Biodiversidade

29 / 12 / 2020 Fique por Dentro

Biodiversidade é a riqueza de espécies de plantas, animais, fungos e microrganismos que existem. Mas você já parou para pensar quantas espécies existem no planeta terra?

Os cientistas conhecem formalmente cerca de 1.5 milhões de espécies de animais, plantas e microrganismos, um número incrível, porém estimativas calculam que devem haver pelo menos entre 5 e 10 milhões de espécies animais e vegetais em nosso planeta.

E nós somo privilegiados, o Brasil detêm cerca de 15% de todas as espécies de animais e plantas descritas. São mais de 103.870 espécies animais e 43.020 espécies vegetais conhecidas pela ciência. Toda essa variedade de animais, plantas, microrganismos e ecossistemas, se deve à grade extensão territorial, diferentes climas e biomas de nosso país.

  1. Quase um quarto de todas as espécies de peixes de água doce ocorrem em nossos rios (23%);
  2. 16% das aves do planeta voam em nosso céu;
  3. E 12% de todas as espécies de mamíferos são brasileiros.

Algumas regiões são muito pouco conhecidas, como as copas das florestas tropicais e as zonas marinhas ultra profundas, conhecemos mais a superfície da Lua do que as espécies e relações ecológicas nesses locais. Mas toda essa biodiversidade desconhecida pela ciência pode estar com os dias contados, sem nem ao menos conhecermos.

Aproximadamente 1 milhão de espécies de plantas e animais estão sob algum risco de extinção, de acordo com um relatório publicado pela ONU em 2019, ou seja, 66% duas em cada 3 espécies conhecidas pela ciência corre risco de desaparecer. Um exemplo assustador é do da floresta amazônica, apesar de todo o seu tamanho, pode ter 10% das espécies extintas em apenas 30 anos, se o ritmo de desmatamento for mantido.

A perda desses ecossistemas não afetas apenas a vida silvestre, a perda de espécies começa a afetar a economia. Mais de 80% das espécies de peixes marinhos estão com suas populações ameaçadas, devido à sobrepesca e estão com populações em declínio.

Dados divulgados pela ONU, estimam que a perda anual de florestas em todo o mundo, cause um prejuízo entre U$ 2 trilhões e U$ 5 trilhões, muito maior que todo o prejuízo provocado pela crise do coronavírus em 2020, além de nos expor cada vez mais a microrganismos silvestres. Perdemos em serviços ambientais como:

  1. Regulação climática;
  2. Captura de gás carbônico;
  3. Recarga de rios e lençóis freáticos;
  4. Fornecimento de alimentos;
  5. Polinização das culturas que mais alimentam o ser humano;

Em 2002, na África do Sul, um acordo internacional, mediado pela ONU, estipulou metas de conservação da biodiversidade, entre elas, a proteção de pelo menos 10% das regiões ecológicas do planeta, controle da disseminação de espécies invasivas e a prevenção de extinção de espécies devido ao comércio internacional.

Estamos longe de conseguir proteger pelo menos 10% das zonas ecológica do planeta, precisamos entender de conservação ambiental e biodiversidade são sinônimos de fornecimento de matérias-primas e alimentos, controle de mudanças climáticas e prevenção a novas pandemias.

 

Fontes:

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-45203830

https://unric.org/pt/mensagem-sobre-o-dia-internacional-da-biodiversidade/

https://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas-noticias/20-geral/8934-hoje-e-o-dia-mundial-da-biodiversidade

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-45203830

https://www.bbc.com/portuguese/geral-48174634

https://www.bbc.com/portuguese/geral-47490417

https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2010/05/100510_naturezaeconomiaebc


Outros conteúdos

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo!