Loader

Entenda o índice de desempenho ambiental e onde o Brasil se encontra nele

13 / 01 / 2020 Fique por Dentro

O progresso e o desenvolvimento ambiental já não são mais tendências, são necessidades. Atualmente, um dos métodos mais conhecidos para obter informações a respeito é o Índice de Desempenho Ambiental (IPE), realizado e divulgado a cada dois anos pela Universidade de Yale em parceria com outras instituições. Nele, países de todo o mundo são julgados em 10 categorias referentes à saúde ambiental e vitalidade do ecossistema para, ao final, formarem um ranking dos países mais e menos sustentáveis.

Essas métricas são importantes porque, além de darem um direcionamento para as políticas públicas ambientais, fornecem o quão perto um país está ou não de atingir seus objetivos em relação à preservação do planeta. Além disso, o relatório também disponibiliza, anualmente, informações importantes sobre boas práticas e orientações para que esses países consigam subir de posição, a partir de ações sustentáveis.

 

Como é calculado o índice de desempenho ambiental

Como já dito, o índice é realizado a partir de variáveis, que se dividem em dois focos: saúde ambiental e vitalidade dos ecossistemas, cada um deles dividido em diferentes categorias de políticas. Posteriormente, são avaliados outros 25 indicadores, incluindo qualidade da água natural, poluição do ar em interiores, riscos de preservação, intensidade da pesca marítima e de áreas queimadas, emissões de CO², entre outros. Após todos os fatores avaliados, é feita a classificação e divulgação do Índice de Desempenho Ambiental, com um ranking dos piores e melhores países.

 

Brasil, o país da biodiversidade, cai no ranking

Em 2012, o índice de desempenho ambiental colocou o Brasil na lista dos 30 mais bem classificados na América Latina, conquistando o 3º lugar, ficando atrás apenas da Costa Rica (1º) e da Colômbia (2º). Já no último relatório, divulgado em 2018, a situação era bem diferente: ocupávamos o 69º lugar no ranking mundial. Para a classificação, foram avaliados 180 países.

Tal posição sugere a reavaliação das prioridades políticas, afirmando a necessidade de políticas focadas na sustentabilidade. Além disso, o relatório também mostra que o ritmo de desenvolvimento acelerado do país é apenas um dos muitos fatores que afetam esse desempenho ambiental. O desenvolvimento, porém, não é o problema; pelo contrário, ele é importante para o crescimento do país. Porém, todo o crescimento deve vir acompanhado de consciência e responsabilidade em relação ao meio ambiente, valores que a Eco Response carrega em todas as suas soluções ambientais.

 

O segredo dos 5 melhores países no ranking

No último relatório, os 5 primeiros países a ocuparem o ranking do Índice de Desempenho Ambiental foram Suíça, França, Dinamarca, Malta e Suécia. O fato de que todos esses países possuem políticas públicas diretamente voltadas para o meio ambiente não é coincidência: de fato, a Europa vem entendendo há tempos a importância de atentar-se para os problemas ambientais e buscar soluções amigáveis tanto ao desenvolvimento quanto ao meio ambiente.

A Suíça, primeira colocada no ranking, não está lá por acaso: o país está investindo pesado em áreas como saneamento básico, com a Ara Berna, uma das estações de tratamento mais modernas da Europa, e no aproveitamento de recursos, como a iniciativa de transformar lama residual de seus esgotos em biogás, combustível que coloca em movimento os ônibus da cidade de Berna.

Além disso, o país possui leis severas contra a poluição nas indústrias e tem um posicionamento de restrição ao uso exagerado de carros. Pequenas ações como pedir carona com um amigo ou ir trabalhar de bicicleta são práticas simples e comuns por lá, o que mostra não apenas um direcionamento da política em relação ao meio ambiente, mas também um olhar das pessoas mais sensível para a causa.

 

Que tal começar a mudar essa situação, preservando toda a biodiversidade e recursos naturais do nosso país? Para encontrar soluções ambientais que podem colocar o Brasil acima no Índice de Desempenho Ambiental, além de auxiliar no crescimento da sua empresa, clique aqui e conheça a Eco Response.


Outros conteúdos

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo!