Loader
ambiente

Resíduos: descarte da forma correta e evite impactos ambientais

16 / 12 / 2019 A Eco Response

Além de contribuir significativamente para o desenvolvimento da sociedade e criar bens de consumo indispensáveis para a nossa vida, a indústria também é responsável por descartar resíduos corretamente e a assegurar sua responsabilidade com o meio ambiente. Nós, por nos importarmos com o bom desempenho das indústrias e pelo nosso respeito ao ecossistema, falaremos hoje sobre as formas mais rentáveis e eficazes de realizar esse processo.

 

O primeiro passo é investir em gestão ambiental

 

A melhor forma de garantir o descarte seguro e responsável de resíduos é assegurar que a sua empresa faça a gestão ambiental de cada um de seus processos. Assim, é possível administrar métodos e práticas que auxiliem sua empresa nesse processo.

Ao praticar a gestão ambiental, a empresa evita ser responsável por qualquer impacto ambiental e, consequentemente, preserva a imagem da marca perante os clientes e a concorrência. Para auxiliar nesse processo de gestão e evitar qualquer problema futuro, listamos algumas dicas para que você faça o descarte de resíduos corretamente.

 

Identifique o resíduo

 

Antes de tudo, você deve classificar o resíduo gerado pela sua empresa. As classificações mais comuns são: “perigosos”, “não inertes” e “inertes”. Os perigosos apresentam características como inflamabilidade, corrosividade e toxicidade. Os inertes mantêm-se inalterados por longos períodos de tempo e os não inertes possuem propriedades como biodegradabilidade ou solubilidade em água.

Dessa forma, é possível que você conheça qual impacto ambiental cada um pode causar e, mais importante, saiba qual a sua destinação adequada.

 

Qual a destinação correta para cada resíduo?

 

A classificação correta de cada resíduo permite que a empresa saiba, também, qual a destinação certa de cada um. Vamos explicar, de forma geral, o destino ideal para cada um.

Resíduos inertes: esses resíduos caracterizam-se por não se decomporem ou sofrerem alteração com o passar do tempo. Eles não são poluidores, uma vez que não alteram nem o solo nem a água. Dessa forma, podem ser levados para aterros sanitários ou até mesmo reciclados.

Resíduos não inertes: esses resíduos podem ser líquidos, gasosos ou sólidos. Suas características se assemelham às do lixo doméstico e não têm capacidade de contaminação, mas podem contaminar o solo e os rios. A destinação para os não inertes é a mais simples: devem ser recolhidos e enviados para empresas de tratamento públicas ou privadas.

Resíduos perigosos: como as características desses resíduos apresentam riscos para quem os manipula, elas requerem atenção redobrada. Primeiramente, eles devem ser transportados de acordo com as normas previstas pela ANTT nº 5232/2016. Assim, esses resíduos serão enviados para o coprocessamento e passarão por destruição térmica em fornos – de acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

 

Quer conhecer mais sobre a Eco Response e o que podemos oferecer para a sua empresa? Ao clicar aqui você pode receber conteúdos sobre absorção, contenção de vazamento, redução e solidificação de resíduos e muito mais.


Outros conteúdos

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo!