Loader
ambiente

Critérios de sustentabilidade estão no topo da lista dos consumidores em 2022

04 / 03 / 2022 Fique por Dentro

Nos direcionamos para o terceiro ano de pandemia do coronavírus, os quais tiveram impactos diretos no nosso modo de vida, trabalho, e também de consumo. Se por um lado vimos nossos postos de trabalho migrarem para dentro de casa, também percebemos uma nova forma de hábito dos consumidores, que em 2022 deverá ter o seu ápice. Os consumidores agora demandam produtos e serviços resilientes, criativos, adequados à nova realidade global, mas, acima de tudo, sustentáveis.

 

Pesquisa realizada em 2020, feita pelo IBM, em parceria com a National Retail Federation e divulgada no início de 2022, com mais de 19.000 entrevistados no mundo todo, mostra que sustentabilidade é a palavra do momento para os consumidores. Cerca de 70% dos entrevistados estão dispostos a pagar mais por produtos que tenham diferenciais em ESG. Entretanto, isso não se materializa em compras efetivamente, visto que apenas 31% dos consumidores afirmam que produtos com esses critérios foram grande parte de suas compras. Isso se reflete diretamente pela oferta limitada de produtos claramente diferenciados ou que comuniquem isso sem deixar dúvidas.

Já o fator financeiro não pode ser apontado como impeditivo, é isso que mostra uma pesquisa da EY, que contou com a participação de 34 mil consumidores em 17 países. Embora o valor seja o fator majoritário no momento de decidir uma compra (53%), a preocupação ambiental é igualmente relevante para o consumidor geral (47%) e soluções que tornem a vida mais fácil respondem por 34% da preferência na hora da compra.

De forma concomitante, a preocupação com a crise climática é de longe a que mais assusta os consumidores. Em levantamento realizado pela WGSN em 2019, 90% dos entrevistados do mundo comentaram que se sentem inseguros com o futuro climático do mundo e as possíveis consequências para a sociedade e esperam mais engajamento das marcas no combate do aquecimento do planeta.

 

O consumidor, de forma geral, mostra-se cada vez mais inclinado a levar em consideração fatores de sustentabilidade no momento de decidir uma compra, principalmente entre as gerações mais novas, mesmo que isso signifique pagar mais por uma marca que tenha um posicionamento efetivo com a agenda ambiental e social. A pandemia de covid nos trouxe uma nova forma de relacionamento com as lojas e prestadores de serviços. Preço não é a única coisa que conta no momento de uma escolha, o consumidor preza por um produto de qualidade, mas com impacto positivo no meio ambiente e na sociedade.

 

https://www.spacemoney.com.br/geral/pesquisa-da-ey-revela-preocupacao-do-consumidor-de-energia-com-o-meio/176367/

https://conteudos.xpi.com.br/esg/b3-anuncia-a-nova-carteira-do-indice-de-sustentabilidade-empresarial-ise-cafe-com-esg-05-01/

https://mercadoeconsumo.com.br/2022/01/14/nrf-62-dos-consumidores-mudariam-seus-habitos-de-compra-em-prol-da-sustentabilidade/

https://www.wgsn.com/wp-content/uploads/el-consumidor-do-futuro-2022-WGSN-pt.pd


QUAL SOLUÇÃO AMBIENTAL
SUA EMPRESA ESTÁ PROCURANDO?

Ver todo o catálogo de produtos

Outros conteúdos

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo!